Os 3 princípios da empresa


Marca relojoeira suiça representando o vínculo entre respeito e tradição relojoeira assim como a criatividade visionária do século 21, Hublot não deixa de respeitar seus três princípios fundamentais- compartilhados pela direção e todos os seus colaboradores no quotidiano - que são os seguintes:

Ser criativo e inovador:

ser os primeiros, ser único, ser diferente, Hublot favorece o impulso criativo como princípio vital. Valor intrínseco da empresa, este impulso favorece a pesquisa de novos materiais, o espírito inventivo e a utilização de técnicas de vanguarda, ilustrando o princípio pioneiro da empresa e respeitando assim a grande tradição relojoeira suiça.

Preservar a imagem e a integridade da empresa, ser uma empresa cidadã e responsável:

Hublot prova por seus atos que o sucesso comercial e as finalidades econômicas são compatíveis com uma ética social e ambiental. Respeito, honestidade, transparência, conformidade com as leis, Hublot se compromete a respeitar estritamente os direitos, a integridade física e moral, cultural e religiosa de todos, homens e mulheres, com os quais a empresa mantém uma relação de trabalho. Assim, ao garantir um desenvolvimento pessoal e condições de trabalho no respeito da dignidade de cada um e oferecendo lugares de trabalho seguros e saudáveis. Hublot se engaja também a respeitar as legislações em vigor em matéria de segurança e proteção da saúde – e à favorecer os fornecedores e os parceiros que os compartilham. Este princípio também é valido em relação ao respeito do processo de Kimberley que visa à eliminar as fontes de diamantes vindas de conflitos armados assim como a preocupação da preservação do ambiente em geral, ao se engajar a respeitar as legislações nacionais e internacionais, avaliando em permanência seus impactos. Neste campo, o engajamento da Hublot em relação ao respeito do ambiente se faz também através do engajamento do Grupo LVMH, real desde 2001 pela "Charte environnement LVMH", e que se reforçou em 2003 pela adesão do Grupo ao Pacto Mundial (Global Compact) das Nações Unidas. Esta iniciativa engaja os signatários a aplicar e promover dez princípios no campo dos direitos do homem, do trabalho e do ambiente.

Buscar a excelência, ser movidos pela vontade de ser melhores:

A excelência é uma busca, um estado de espírito, uma dinâmica. Da concepção ao acabamento dos produtos e dos serviços que os acompanham, a busca da excelência diz respeito aos uns aos outros, envolvidos em cada uma das etapas. No setor da excelência relojoeira, o desafio é de revelar e de submeter a matéria, o design e as funções às exigências de precisão e de minúcia, garantidoras de uma qualidade excepcional e por isso mesmo, a intemporalidade e a durabilidade do produto. Este princípio se impõe também além dos produtos, às boutiques, à apresentação dos produtos, à recepção dos clientes, ao serviço pós-venda etc. : o objetivo é de propor em permanência aos nossos clientes a maior qualidade. Em outros termos, isto consiste em melhorar permanentemente, em nunca estar satisfeito, em buscar aumentar incessantemente suas competências, em ter novas ideias.

O respeito deste código ético, destes três princípios fundamentais, permite à Hublot de agir como ator leal no mercado relojoeiro. Ele constitue sobretudo, não somente o pilar de sua atividade e de seu desenvolvimento, mas forja também sua cultura de empresa, base sobre a qual repousa seu presente e a garantia de seu futuro.

Todos os direitos de propriedade intelectual reservados. Privacidade - Os 3 princípios da empresa - Responsible Jewellery Council - Política de privacidade- Contato